/Error

julho 14, 2010 at 12:45 pm 13 comentários

Então… Eu preciso fazer um desabafo e dizer a verdade: Eu falhei!

Não sei se só comigo mesma ou se com outras pessoas também, mas o que aconteceu foi que eu falhei! Eu deixei de fazer. Eu deixei de ir. Eu deixei de ligar. Eu deixei de responder. Nossa, que egoísta que eu fui.

Tudo começa normalmente numa semaninha catastrófica e/ou quando acontecimentos e pessoas imprevisíveis entram de voadora na sua vida. E eu não tive escolha, então já fui logo abrindo a janela pra evitar grandes desgraças. Chega aí, galera. Chega aí que a gente resolve – porque a gente sempre resolve no final.

E, pela primeira vez em MUITO tempo, ficou resolvido que seria diferente. Ficou resolvido que nem final teria. Nas entrelinhas, foi possível ver que era hora de quebrar expectativas, paradigmas, pernas, corações, caras e, porque não, o famoso “quebrar tudo” também. Legal, diferente, confuso, estranho, vamos nessa! Até porque é bom testar o lado cardíaco de vez em quando também…

Num passado não tão distante, meu sonho era lembrar o que eu pensava, o que eu queria, o que eu fazia dentro de uma realidade onde eu prestava contas só pra mim. Recuperei essa memória, chorei baldes ao descobrir o quanto deixei escorrer a areia no vão dos dedos (expressão mais cafona ever, mas que retrata bem o que senti). Diferente de João e Maria, nem tinha rastro de pão… Ainda bem! Tantos caminhos na frente, pra que querer andar pra trás? Não eu. Não hoje, obrigada. E, quando vi, já fui. Sei lá se me deixei levar também, mas nem era a idéia pensar sobre isso.

Se está muito confuso, eu explico com um bom exemplo: quem me conhece ou acompanha o recinto, sabe que durante quase 1 ano eu só falei de Alice no País das Maravilhas. Porque seria em 3D. Porque seria o filme do ano. Porque seria o filme da minha vida. Não foi, quer dizer, não foi ainda. Então… Eu disse que falhei, lembra? EU NÃO VI ALICE!Oh, mas que drama pra nada! Pois é, no fim do dia, o fato é que eu me puni. Me testei e não vi o filme que mais quis ver… E nem cheguei perto de ver! Aliás, lembro que rejeitei convite e tudo. Uau, que perversinha que fui comigo mesma, né? Mas, sinceramente, ali já nem era eu mais…

A questão principal é: eu falhei! Eu me sugestionei a falhar comigo mesma… E, é muito estranho usar essa frase, mas eu A-DO-REI não fazer o que eu tinha planejado por tanto tempo.

É cruel e compensador. Mas quem se importa? Quando a gente não escolhe, é assim também… Ou não?

Não sei! Só sei que a gente sobrevive… E, felizmente, aprende a viver também! =)

Anúncios

Entry filed under: jucasemiro.

Passado Disconnect

13 Comentários Add your own

  • 1. Cá Dias  |  julho 14, 2010 às 1:52 pm

    ADOREI o desabafo, e, te conhecendo bem, como eu acho que já te conheço, posso dizer uma coisa, vc fez exatamente isso, tudo isso, fez mesmo, mas posso falar?! Foi ótimo! Vc, mesmo sem querer, me inspirou de mtas formas ao agir dessa forma única nova Jú de ser! No entanto, tenho um desabafo tb, tinah certeza que teria a sua cia para ver Alice e não tive :( foi uma decepção na época, ok, já superei, mas que foi uma decepção, isso foi!! Hahahahahaha…

    Responder
    • 2. Cá Dias  |  julho 14, 2010 às 1:54 pm

      Mas vc recompensou com Sex and The City!!! Tá perdoada…

      Responder
      • 3. jucasemiro  |  julho 14, 2010 às 2:04 pm

        UFA! Hahahaha
        Que a gente se inspire SEMPRE!!!!!! =)

  • 4. Cá Dias  |  julho 14, 2010 às 2:22 pm

    ALWAYS por mim e por vc amiga!!!!

    Responder
  • 5. Toni Sader  |  julho 14, 2010 às 2:50 pm

    Muito, muito bom! Mesmo! Me identifiquei.

    Responder
    • 6. DK  |  julho 14, 2010 às 3:51 pm

      não perdeu muito viu, o filme é meio infantil demais. podia ser mais macabro.

      Responder
      • 7. jucasemiro  |  julho 14, 2010 às 4:30 pm

        é, muita gente criticou.. um dia rebaterei todos esses comentários!

    • 8. jucasemiro  |  julho 14, 2010 às 4:30 pm

      =)

      Responder
  • 9. Najla  |  julho 14, 2010 às 5:27 pm

    Ju,

    Naoooo acredito que voce nao viu Alice!

    Gostei da Frase: “Adorei nao fazer o que tinha planejado por tanto tempo”
    Normalmente eu planejo TANTO TUDO e fico tao frustada qdo nao consigo fazer as coisas como o planejado…Tenho que aprender a ser mais light mesmo… Comigo, com os outros, com a vida…

    Bjs saudades!

    Responder
    • 10. Cá Dias  |  julho 15, 2010 às 10:13 am

      Fato! É por isso que eu digo que essa garotinha que resolveu se revoltar me inspirou de mtas formas! Uma delas foi essa! Sou como vc Ná, e isso causa frustrações, o que não é legal, né? Enfim, saudades tb!! xoxoxoxo

      Responder
    • 11. jucasemiro  |  julho 21, 2010 às 5:22 pm

      Mas eu sou assim também, Na! A revolução partiu daí, de realmente conseguir “quebrar” isso… E valeu a pena, nem sofro hahahah
      É bom tentar de vez em quando, quando tiver no mood pra isso… Depois me conta! ;) Bjoooo com saudades

      Responder
  • 12. Augusto  |  agosto 4, 2010 às 5:55 pm

    Muito bom esse texto! Achei legal a história toda rs

    Figura…

    Responder
    • 13. jucasemiro  |  agosto 4, 2010 às 6:49 pm

      Hahaha! Olha ele aí…
      Valeu, Guto! Volte sempre!

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Oi, tudo bem?

Ju Casemiro. Publicitária. Curiosa. Preguiçosa. Dramática. E com algumas qualidades também! =)


%d blogueiros gostam disto: